Agência Minas Gerais | Governo de Minas completa 80 milhões de documentos no SEI!MG, o equivalente à preservação de pelo menos 8 mil árvores

O Sistema Eletrônico de Informações (SEI!MG), utilizado para tramitação digital de documentos no Governo de Minas, atingiu a marca de 80 milhões de documentos em sua base.

Com a implementação da iniciativa, coordenada pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag-MG), o Estado já reduziu o consumo de papel e preservou o equivalente a pelo menos 8 mil árvores.

O cálculo é do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região. De acordo com dados do órgão, uma árvore inteira produz, em média, 20 resmas de papel – 10 mil folhas em tamanho A4 para cada tronco.

“Esses dados demonstram a preocupação do Governo de Minas em garantir economia e eficiência nos processos administrativos. Além de ganhar agilidade e comodidade com a tramitação digital dos processos, a iniciativa ainda nos traz esse ganho fundamental, que é a preservação ambiental”, afirma a secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Luísa Barreto.

A diretora Central de Sistemas Corporativos de Planejamento, Orçamento e Administração da Seplag-MG, Fernanda Mariana Mendes, explica que a preservação de árvores pode ser ainda maior.

“O sistema possui 80 milhões de documentos, mas os arquivos têm tamanhos diversos, podendo conter uma ou centenas de páginas. Desta maneira, são no mínimo 8 mil árvores de árvores preservadas. A preservação ambiental pode ser muito maior com essa iniciativa”.

A tramitação digital faz com que processos de compras, ofícios e memorandos, entre outros documentos, sejam acessados com mais agilidade e praticidade.

Ao todo, 75 órgãos e entidades do Estado estão inseridos no SEI!MG, incluindo 116 mil usuários cadastrados, que atuam nesses órgãos, e outros 330 mil usuários externos, como fornecedores e representantes de prefeituras.

“O SEI!MG teve um papel muito importante na conservação dos recursos naturais e na redução de impactos ambientais associados ao uso do papel. Além da estimativa de preservação de, no mínimo, 8 mil árvores, temos que considerar que há o emprego de uma série de recursos, como energia e água na produção desse insumo. Por isso, o emprego da tecnologia na tramitação de processos do Estado tem por trás um ganho ambiental”, ressalta o diretor-geral do Instituto Estadual de Florestas (IEF), Breno Lasmar.

Expansão

Além da tramitação interna, o SEI!MG conta com ferramentas que permitem a tramitação externa de documentos.

O barramento de integração, por exemplo, viabiliza o trâmite de processos entre órgãos e entidades do Estado e entes de outras esferas.

Desde 2019, o Governo de Minas utiliza a tramitação com o Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) e, desde março deste ano, com a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Já o peticionamento eletrônico permite que um usuário externo abra demandas e envie para o Governo de Minas. Além disso, a pesquisa pública disponibiliza uma página específica para o acompanhamento em tempo real do andamento dos processos.

O Sei!MG foi desenvolvido e cedido gratuitamente pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

Novo revezamento das equipes de bombeiros militares de SC que atuam no Rio Grande do Sul é nesta segunda

O foco do trabalho será em Áreas Deslizadas e Busca e Resgate com Cães – Fotos: Divulgação / CBMSC

Um novo revezamento das equipes de Força-Tarefa (FT) do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), que estão atuando em apoio ao Rio Grande do Sul, será realizado nesta segunda-feira, 20. Neste quarto contingente serão enviados 12 bombeiros militares, dois cães de busca, seis viaturas 4×4, um caminhão, um mini-escavadeira e equipamentos para Intervenção em Áreas Deslizadas (IAD).

Até o momento, as equipes do CBMSC salvaram 3.024 pessoas, 550 animais e localizou 19 vítimas em óbito, sendo que três delas foram encontradas graças ao trabalhos dos binômios, dupla formada por bombeiro militar e cão de busca.

Foto: Divulgação / CBMSC

As equipes irão sair dos seus quartéis de origem, nas cidades de Chapecó, São Miguel do Oeste, Blumenau e Rio do Sul e seguirão para o estado vizinho, onde irão se apresentar no município de Cruzeiro do Sul. Lá, eles vão realizar buscas por pessoas que estão desaparecidas, seja por conta das enxurradas seja pelos deslizamentos ocasionados por este evento climático.

:: Recursos enviados ao RS até o momento

  • 135 bombeiros militares
  • 11 cães de busca
  • 42 viaturas
  • 40 embarcações
  • 19 motores de popa
  • 02 caminhões
  • 01 Auto Posto Comando
  • 01 mini-escavadeira
  • 01 quadriciclo
  • Equipamentos para busca e resgate em áreas inundadas e em deslizamentos
  • Drones

Agência Minas Gerais | Hemominas inaugura mais uma unidade de doação de sangue em Minas Gerais

Adair Gomez / Divulgação


Doadores de sangue de Itabira, na região Central de Minas Gerais, agora contam com um Posto Avançado de Coleta Externa (Pace), o 13º inaugurado pela Fundação Hemominas no estado. A solenidade foi realizada nessa quarta-feira (15/5).

Para o secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti, a criação do Pace é fundamental para ampliar os estoques de sangue da rede, além de trazer mais conforto e segurança aos doadores da cidade que, agora, não terão mais de se deslocar a Belo Horizonte.

“Doar sangue é doar um pedacinho da gente, um ato de amor que alcança alguém que nem se conhece. Com este Pace, esperamos que se ampliem muito as doações na cidade e região e que ela se torne uma grande fornecedora de sangue e hemoderivados para toda a população mineira”, disse.

“Antes, só era possível pensar na ampliação de nossos serviços a partir de uma unidade completa, que exigia processos mais complexos, com processamento do sangue, realização de testes, etc. À medida que fomos evoluindo, posso dizer que praticamos uma hemoterapia de primeiro mundo, certificados pela Associação Americana de Bancos de Sangue e, assim, temos agora a possibilidade de contarmos com os Paces, para que o doador não precise se deslocar em caravanas para chegar às unidades, em geral, distantes”, ressaltou a presidente da Fundação Hemominas, Júnia Cioffi.

Para o prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage, o Pace é uma grande conquista para a comunidade. “Itabira é um orbe dedicado à doação de sangue, levando caravanas à capital. Este Pace trouxe outros benefícios, como a geração de 20 empregos, uma equipe de profissionais que, com certeza, vai honrar o exemplo de desprendimento representado pelo doutor José Pinto, que nomeia nosso posto, ressaltou.

A unidade está localizada no Hospital Municipal Carlos Chagas, que fica na Rua Chácara Fernando Jardim, número 555, no bairro Campestre. O Pace Dr. José Pinto deve funcionar às quintas-feiras, a partir de 6/6, atendendo até 60 candidatos à doação em cada dia de funcionamento. O novo Pace está vinculado ao Hemocentro de Belo Horizonte.

Serviço de castração móvel atende cães e gatos na região sul

Rosi Masiero


Secretaria de Saúde

Luna e Maia estavam tranquilas. Com pouco mais de 5 meses as duas gatinhas pareciam que iam a um baile já que a postura delas era de solenidade absoluta. Já Castrim, um cão macho de seis meses, era só alegria, assim como o labrador Tayler, de dois anos, que bagunçava na fila. 

Esse é um breve resumo de como foi o serviço de castração móvel realizado pela Prefeitura de São José dos Campos na manhã deste domingo (19), na Emefi Professora Therezinha do Menino Jesus Soares do Nascimento, no Conjunto Residencial Dom Pedro I, na região sul da cidade.

Nesta edição foram disponibilizadas 250 vagas, sendo 190 para cães e 60 para gatos (machos e fêmeas). A unidade móvel realiza castração e microchipagem de cães e gatos gratuitas aos animais inscritos no programa.

Desde cedo, Milton Cares esperava o atendimento de Luna para os procedimentos. Ele contou que veio do bairro Monte Rey e estava mais apreensivo que sua gatinha. Para ele, essa ação da Prefeitura é muito importante já que “é gratuita e bem realizada”.

Everton de Castro, tutor do Castrim, adotou o cão em uma feira no centro da cidade. Para ele, castrar e microchipar o pet é algo ‘sensacional’. Além do bom serviço, o ato de amar também consiste em manter o animal cuidado, protegido de doenças e identificado. “Essa ação é incrível”.

ONG em Ação

Durante todos os eventos do castramóvel, uma ação sempre chama a atenção. Participantes da ONG Aubrigo da Tia Dany participam fazendo e distribuindo gratuitamente roupas de pets feitas de malhas para ajudar os animais na recuperação da cirurgia.

“É muito importante proteger os pontos (após a cirurgia), por isso entregamos aos tutores”, comentou Daniana Martins, dona do abrigo.

As roupas são feitas de restos de camisetas e tecidos com cortes específicos para que os animais se sintam seguros e não arrebentem os pontos com mordidas e coçadas. A iniciativa agradou os tutores que estiveram na ação do castramóvel.


MAIS NOTÍCIAS

Secretaria de Saúde

Sine-JP oferta essa semana 215 vagas de emprego para pessoas com e sem experiência

Mercado de trabalho

Sine-JP oferta essa semana 215 vagas de emprego para pessoas com e sem experiência


19/05/2024 |
19:00 |
22

O Sistema Nacional de Emprego de João Pessoa (Sine-JP) inicia a semana ofertando 215 novas oportunidades no mercado de trabalho na Capital. São vagas em diferentes funções para pessoas com e sem experiência. Os interessados podem conferir as ofertas disponíveis e as exigências de forma online, através do Painel da Empregabilidade – www.joaopessoa.pb.gov.br/serviço/painel-da-empregabilidade – ou  pessoalmente na sede do Sine-JP, no bairro do Varadouro.

Entre as oportunidades ofertadas a partir desta segunda-feira (20), a que tem maior número de vagas é para pedreiro, com 39, inclusive para as categorias de acabamento e fachada, com e sem experiência comprovada na Carteira de Trabalho. No ramo da construção civil também tem 10 vagas para servente de obras, três para auxiliar de pedreiro e duas para mestre de obras.

Na área de vendas, tem 16 vagas para vendedor, sendo 10 para pracista e seis para atuação interna, com exigência mínima de seis meses de experiência na Carteira de Trabalho.

Na lista do Sine-JP também consta 12 vagas para serviços gerais na manutenção de edificações, 9 para estoquistas e outras diferentes áreas em número menor, como montador de móveis de madeira (2), mecânicos de automóveis (1), máquinas agrícolas (1), motocicleta (1), entre outras.

No setor de alimentação tem vagas para atendente balconistas, garçom e auxiliar de lanchonete e de cozinha. Tem ainda ofertas para assistente administrativo, com 4 oportunidades.

Serviço – O Sine-JP está localizado na Avenida João Suassuna, nº 49 – primeiro casarão da Vila Sanhauá, na Praça Antenor Navarro, no Varadouro. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone (83) 98654- 8978.

Agência Minas Gerais | Com ação do Governo de Minas, artesãos mineiros superam em 20% a comercialização de produtos no Salão do Artesanato

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede-MG), esteve presente no 17º Salão do Artesanato, em Brasília. Entre os dias 8 e 12/5, mais de 430 artesãos mineiros foram beneficiados com a oportunidade de expor e negociar seus produtos nos espaços promovidos pela Sede-MG.

Os artesãos tiveram desempenho recorde nas vendas, com mais de R$ 300 mil na comercialização de seus produtos. O resultado é 20% maior do que o obtido pelos artesãos mineiros na edição anterior.

“É gratificante ver que esses empreendedores estão colhendo o fruto do seu trabalho e saber que, quando o Estado atua como facilitador, a geração de renda é uma consequência natural”, afirma o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Fernando Passalio. 

Mais oportunidade de renda

Durante essa edição do evento, os artesãos e entidades mineiras tiveram à disposição uma área de 126m² adquirida pela Sede-MG, em parceria com o Sebrae Minas, bem como um espaço de 50m² cedido pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), do Governo Federal, que organiza a feira. 

Foram 14 estandes dedicados exclusivamente à Alameda do Artesanato Mineiro, onde representantes de 18 municípios de diversas regiões do estado puderam gerar renda através da comercialização com o público visitante e de rodadas de negócios com lojistas. 

Por meio do Edital de Chamamento Público Nº 1/2024, foram selecionados, pela Diretoria do Artesanato Mineiro da Sede-MG, 27 expositores, entre entidades e artesãos individuais. 

O subsecretário de Liberdade Econômica e Empreendedorismo da Sede-MG, Rodrigo Melo, explica que o Governo de Minas, a cada evento e ação desenvolvida, vem buscando atender e dar oportunidade de participação a novos artesãos mineiros.

“Neste ano, identificamos uma renovação expressiva e importante dos participantes selecionados comparado à edição anterior. Isso demonstra o avanço nos critérios de avaliação dos chamamentos públicos, através da aplicação de uma política pública empreendedora para geração de renda em todo o estado”, complementa o subsecretário.

Geração de emprego

A organização do evento estima que foram gerados cerca de 4 mil empregos, entre diretos e indiretos, e que cerca de 60 mil pessoas estiveram presentes durante os cinco dias de programação. 

Além de adquirir peças, o público também pôde participar de oficinas gratuitas – uma oportunidade de capacitação e profissionalização – como a de “Pontos básicos dos bordados para iniciantes”, ministrada pela artesã mineira Maria de Lourdes Rosa.

 

Agência Minas Gerais | Atração bilionária de investimentos pelo Vale do Lítio impulsiona arrecadação, revertida em melhorias para a população

Projeto econômico-social lançado há um ano pelo Governo de Minas, o Vale do Lítio, baseado na atração de investimentos privados, fechou o primeiro ano com resultado significativo para Minas Gerais: contribuiu para a superação da marca de R$ 5,5 bilhões em negócios atraídos pela cadeia do lítio mineira até este mês, além da criação de mais de 10 mil empregos, entre diretos e indiretos, na região.

Idealizado pelo Estado, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede-MG) e sua vinculada Invest Minas, em maio de 2023, o Vale do Lítio teve o primeiro protocolo de intenções firmado pela canadense Sigma Lithium. O investimento de R$ 2,5 bilhões, anunciado em junho do ano passado, em projeto para extrair lítio no Vale do Jequitinhonha.

No mês seguinte, outra mineradora canadense, a Lithium Ionic fechou acordo para aporte de R$ 750 milhões no segmento em Araçuaí, Itinga e Salinas, todos municípios do Vale do Lítio.

Em setembro, foi a vez da Atlas Lithium acertar parceria com o Governo de Minas, anunciando R$ 750 milhões em investimentos. A empresa norte-americana planeja iniciar as operações em Araçuaí até o fim de 2024. Outra companhia que revelou intenção de aportes para Minas foi a Latin Resources Limited, da Austrália: R$ 600 milhões.

Essas empresas se juntam à Companhia Brasileira de Lítio (CBL), há mais de três décadas atuando no Vale do Jequitinhonha e que tem projeto de expansão calculado em R$ 20,5 milhões. 

“Os dados revelam que o lítio é, seguramente, um dos elementos mais importantes para a economia do Vale do Jequitinhonha, com potencial legítimo de melhorar a qualidade de vida da população”, destaca o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio.   

Ele ressalta ainda que o mineral é considerado estratégico para a transição energética. 

“Esse elemento químico não tem perspectiva de diminuição do seu consumo a médio e longo prazo. Além disso, o lítio do Vale do Jequitinhonha é de altíssima qualidade e extraído de maneira sustentável”.  

Recolhimento beneficia municípios

O programa Vale do Lítio envolve a articulação de diversos órgãos governamentais, estaduais e municipais, para a formulação de políticas públicas destinadas à atração de empresas e investimentos, qualificação da mão de obra, incentivo à tecnologia e fornecimento da infraestrutura necessária para o crescimento da região. 

Entre esses investimentos, destacam-se os feitos pelas mineradoras de lítio, que utilizam processos cada vez mais avançados e alinhados às responsabilidades social e ambiental.

Além de gerar oportunidades de empregos mais qualificados, renda, estimular o empreendedorismo em outras áreas para atender à demanda do crescimento do Jequitinhonha, essas companhias têm impulsionado a arrecadação via Compensação Financeira pela Exploração Mineral (Cfem).

Minas Gerais detém, até o momento, toda a produção brasileira de lítio. De acordo com dados da Agência Nacional de Mineração (ANM), o valor da produção do mineral no estado deu um salto significativo: de R$ 68 milhões em 2019 para R$ 1,7 bilhão em 2022. No mesmo intervalo, a produção beneficiada de lítio saiu de 47,82 mil t/ano para 143,72 mil t/ano. 

A arrecadação de Cfem do mineral, de 2019 a 2023, disparou: de R$ 1,419 milhão para R$ 55,1 milhões. Em 2024, até abril, o recolhimento dos royalties da mineração de lítio já chega a R$ 7,6 milhões. 

Números 

O subsecretário de Atração de Investimentos e Cadeias Produtivas da Sede-MG e gestor do projeto Vale do Lítio, Frederico Amaral e Silva, destaca que a arrecadação da Cfem é repartida entre União, estados e municípios onde a atividade mineral é realizada, sendo que 65% são destinados ao município. 

“Isso contribui diretamente para o desenvolvimento local e regional, já que os recursos da Cfem devem ser aplicados em projetos de infraestrutura, saúde e educação. Assim, o município pode viabilizar e estruturar políticas públicas que atenderão à população, revertendo em melhores condições de vida e crescimento socioeconômico”, afirma Frederico Amaral e Silva. 

O Estado e a União recebem, respectivamente, 23% e 12% dos royalties e, como os municípios, também devem aplicar os recursos em políticas públicas. 

“Este recurso não pode ser destinado para o pagamento de dívidas ou para despesas com pessoal. Assim, o recurso arrecadado é revertido para a população, demonstrando a relevância para o desenvolvimento regional”, completa o subsecretário.

A extração de minério de lítio no Vale do Jequitinhonha hoje é feita pela CBL e a Sigma Lithium. 

Maior exportador  

Em 2023, as exportações de produtos da cadeia do lítio do estado somaram

U$ 496,8 milhões;

Minas Gerais foi o principal estado brasileiro exportador na ocasião, com 99,3% de participação;

Frente a 2022, os embarques mineiros destes produtos do lítio apresentaram crescimento de 52%;

Os principais destinos foram China (98,7%), França (0,7%) e Reino Unido (0,2%).

Provas do concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri são aplicadas neste domingo

Foto: Divulgação

As provas do concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri serão aplicadas neste domingo (19). O certame conta com 37 vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior. Os salários variam de R$ 1.412,00 até R$ 9.504,00.

A aplicação das provas para os cargos de nível fundamental, superior e magistério acontecerá pela manhã. Já para os cargos de nível médio/técnico serão realizadas no período da tarde.

Durante o período da manhã, os portões serão abertos às 7h e fechados às 7h45. As provas começarão às 8h e serão concluídas às 12h.

Durante o período da tarde, os portões serão abertos às 13h30 e fechados às 14h15. As provas começarão às 14h30 e serão concluídas às 18h30.

Concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri

Vagas disponíveis no concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri

  • Coveiro – 1 vaga para Ensino Fundamental Incompleto
  • Auxiliares de Serviços Gerais – 3 vagas para Ensino Fundamental Completo
  • Merendeira – 3 vagas para Ensino Fundamental Completo, sendo 1 para PCD
  • Motorista – 3 vagas para Ensino Fundamental Completo
  • Operador de Máquinas Pesadas – 1 vaga para Ensino Fundamental Completo
  • Pedreiro – 2 vagas para Ensino Fundamental Completo
  • Agente Administrativo – 2 vagas para Ensino Médio Completo
  • Cuidador Escolar – 3 vagas para Ensino Médio Completo
  • Técnico em Enfermagem – 2 vagas para Curso Técnico + Registro no Conselho Profissional
  • Técnico em Segurança do Trabalho – 1 vaga Ensino Médio Profissionalizante com Registro na Delegacia Regional do Trabalho (DRT)
  • Acompanhante Terapêutico – 3 vagas para ampla concorrência
  • Assistente Social – 1 vaga para ampla concorrência
  • Auditor de Tributos – 1 vaga para ampla concorrência
  • Fiscal de Tributos – 1 vaga para ampla concorrência
  • Fisioterapeuta – 1 vaga para ampla concorrência
  • Fonoaudiólogo – 1 vaga para ampla concorrência
  • Médico Clínico Geral PSF – 1 vaga para ampla concorrência
  • Nutricionista – 1 vaga para ampla concorrência
  • Odontólogo – 1 vaga para ampla concorrência
  • Psicólogo – 2 vagas para ampla concorrência
  • Cuidador Escolar (Nível Superior) – 2 vagas para ampla concorrência, 1 vaga para PCD

Inscrição no concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri

As inscrições deverão ser realizadas no período de 14 de março de 2024 até 28 de abril de 2024, no site da organizadora.

O valor da taxa de inscrição pode variar de R$ 75,00 até R$ 115,00, dependendo do nível de escolaridade exigido pelo cargo.

  • Cargos de Nível Fundamental Incompleto ou Fundamental Completo: R$ 75,00 (setenta e cinco reais);
  • Cargos de Nível Médio/Técnico: R$ 95,00 (noventa e cinco reais);
  • Cargos de Nível Superior ou Superior – Magistério: R$ 115,00 (cento e quinze reais);

Salários no concurso da prefeitura de São Domingos do Cariri

Os salários vão de R$1.412,00 até R$ 9.504,00

Provas

O concurso será constituído por duas fases classificatórias:

  • Prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os cargos.
  • Prova prática, de caráter eliminatório e classificatório, para os cargos de Motorista e Operador de Máquinas Pesadas.

Agência Minas Gerais | Central de Serviços da Seplag-MG permanece executando atividades presenciais na Cidade Administrativa

A Central de Serviços da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag-MG) continuará a executar atividades de forma presencial na Cidade Administrativa de Minas Gerais. O setor é responsável por serviços como recebimento de documentos e protocolo, gestão da frota de atendimento à servidores e coordenação do trabalho dos adolescentes empregados pela Associação Profissionalizante do Menor (Assprom) na sede do Executivo estadual.

Desde a última sexta-feira (10/5), foi autorizado, em caráter excepcional, o teletrabalho integral para os servidores em exercício na Cidade Administrativa, em razão da necessidade de interdição dos elevadores sociais e privativos dos edifícios Minas e Gerais.

O serviço de protocolo, que funciona no primeiro andar do prédio Gerais, não foi alterado. O trabalho do local foi organizado visando atender as logísticas e rotinas que dependem de trabalho e atendimento presencial. A atuação do setor será realizada de acordo com algumas determinações estabelecidas no Ofício Circular Seplag/CS nº. 1/2024, divulgado essa semana.

O Governo de Minas tem mobilizado esforços para promover a reorganização do espaço de trabalho dos Prédios Minas e Gerais da Cidade Administrativa. A principal preocupação é garantir a saúde e a segurança dos servidores, bem como assegurar a manutenção da prestação de serviços essenciais aos cidadãos. 

Horários e dinâmica de atendimento de cada setor:

Protocolo: Balcão de Atendimento (público externo) de 8h às 18h, no primeiro andar do prédio Gerais.

Frota da Cidade Administrativa: Atendimento para Belo Horizonte e Região Metropolitana, com partidas a cada hora da Cidade Administrativa, das 7h às 18h, e retorno a cada hora, das 9h às 18h. O embarque é em frente à guarita do subsolo do edifício solicitado no agendamento.

Assproms: Os adolescentes contratados pela Central de Serviços e à disposição dos órgãos e entidades instalados no complexo, com atividades compatíveis e com estrutura adequada, podem realizar teletrabalho integral, em caráter excepcional. Adolescentes com atividades incompatíveis para o teletrabalho serão direcionados à Central de Serviços para realocação em outras atividades.


MGS

A realização de teletrabalho integral, em caráter excepcional, foi autorizada também para os empregados da Minas Gerais Administração e Serviços (MGS) que trabalham nas secretarias, órgãos autônomos, autarquias e fundações instaladas na Cidade Administrativa. A autorização é válida durante o período de paralisação do uso dos elevadores sociais e privativos dos prédios Minas e Gerais para aqueles que desempenhem atividades compatíveis com o regime de teletrabalho.

As orientações, previstas no Ofício Circular SEPLAG/SUBCOMP/SCATC-DCGCON nº. 5/2024, desta semana, trazem, ainda, as regras para os empregados públicos da MGS que não exercem atividades compatíveis com o teletrabalho e para os que precisam ir ao complexo excepcionalmente.

Guardas municipais identificam e recuperam moto furtada no Recreio – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro

A moto foi recuperada durante patrulhamento no sábado – Divulgação

Guardas municipais do Subgrupamento de Operações de Praia (SGOP) identificaram e recuperaram uma moto furtada durante patrulhamento no sábado (18/5), no Posto 12 do Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste do Rio.

A moto estava estacionada em local proibido e a equipe foi autuá-la, mas, ao verificar a situação do veículo, foi constatado que a mesma tinha sido furtada. Diante da situação, a equipe apreendeu o veículo e o levou para a 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes), onde o caso foi registrado. A ação contou com apoio de policiais do 42º Batalhão da Policia Militar.

Marcações: Guarda Municipal moto furtada recreio dos bandeirantes