Redação
Especial On » TatilaNascimento
Camerata de violões de Três Rios divulga vídeos do primeiro DVD
Hoje ela conta com 60 músicos.
26/02/2013, 17h00- Atualizado em 17/03/2013, 22h14
O lançamento do DVD está previsto ainda para o primeiro semestre (Arquivo da Camerata)

A Camerata de Violões de Três Rios é a primeira do estado do Rio de Janeiro e, em um ano e quatro meses, tempo de sua existência, se tornou uma das maiores do Brasil. Começou com 30 integrantes e hoje conta com 60 músicos, com idades variadas entre 14 e 70 anos.

A ideia da camerata é antiga e partiu do músico Felipe Carretiero, hoje maestro do grupo, com o intuito de criar um mercado de trabalho para os músicos que se formam na cidade. “O projeto é patrocinado pela prefeitura de Três Rios e só existe por conta da Secretaria de Cultura, pelo secretário Marcos Pinho e pelo prefeito”, afirma. Segundo Carretiero, a prefeitura cedeu 60 violões para os músicos, o que garante uma excelente qualidade sonora.

“O projeto principal contempla que as pessoas participem da camerata através de testes, já tendo um conhecimento mínimo. E que elas recebam para estar ali, que tenham um salário para viver daquilo, um salário digno”, diz o maestro. Felipe diz que a camerata ainda não chegou nesse estágio, mas que a orquestra será enquadrada na lei de incentivo e, a partir disso, patrocínios serão buscados para melhores condições de manutenção da camerata.

A ideia da camerata é fugir um pouco do clássico, como ocorre, normalmente, em outras orquestras. O fato de não tocar música clássica é justamente para formar um estilo próprio. “Sempre que alguém ouve o nome 'camerata' ou 'orquestra' já associa diretamente à música clássica. Nós tocamos música popular, celta, rock. Tudo o que as pessoas não estão esperando ouvir. E é exatamente isso que faz com que as pessoas criem um impacto e sempre se lembrem da orquestra, não sendo mais uma igual a tantas outras que já existem”, diz Felipe.

Em novembro de 2012, a camerata gravou o primeiro DVD. A ideia do vídeo, além de intuito de mostrar para a sociedade o resultado de um ano de projeto, surgiu para criar um registro e, através dele, buscar novos patrocínios para a orquestra.  O evento foi realizado no teatro Celso Peçanha e contou com a participação do bacharel em música popular João Gumury e do mestre em música Adler Tatagiba.

O lançamento está previsto ainda para o primeiro semestre e o objetivo é fazer um DVD por ano. Enquanto isso, alguns trechos já começam a ser compartilhados e divulgados através do Youtube, como o que você pode assistir abaixo. O maestro informa que os interessados em participar da camerata de violões devem procurar a Secretaria de Cultura de Três Rios.

Assista:

Comentários
Publicidade
Mais lidas de Especial On
Newsletter
Receba nossas novidades por e-mail